O Atlético reencontrou Ronaldinho Gaúcho e não deu chances ao velho ídolo. O Galo foi ao Maracanã e venceu o Fluminense por 2 a 1. A diferença para o Corinthians continua de quatro pontos, pois os paulistas venceram a Chapecoense fora de casa, por 3 a 1. Com milhares de atleticanos no Rio, R10 foi reverenciado pelo passado vitorioso em Minas. Os torcedores tricolores não tiveram a mesma paciência e vaiaram o jogador em sua substituição. 

Durante bola parte do jogo, o Galo dominou as ações da partida e teve muito mais posse de bola que o Fluminense. O Atlético foi premiado com belo gol de Giovanni Augusto, após cruzamento perfeito de Luan. 

A vantagem alvinegra não durou mais que um minuto no segundo tempo, quando Marcos Rocha e Leonardo Silva falharam em seu setor e permitiram a entrada de Wellington Paulista, que saiu na cara de Victor e deixou tudo igual. 

Marcos Rocha se redimiu da falha defensiva no campo de ataque. O lateral tabelou com Patric, que havia entrado na vaga de Luan, e rolou para o companheiro desempatar a partida. 

Na próxima rodada, o Atlético recebe o xará paranaense no Independência, na quarta-feira, às 21h. Já o Fluminense vai à Arena Itaquera encarar o Corinthians. 

Maracanã ou Mineirão?

O Atlético começou o jogo bem à vontade no Maracanã. Com domínio da partida, o Galo trocava passes e o Fluminense se limitava a marcar no campo de defesa e observar. Parecia que o Alvinegro era o mandante, pois os cariocas estavam acuados e esperavam o contra-ataque.

Luiz Martini /Superesportes

IMPRIMIR