Com o objetivo de conscientizar crianças e adolescentes sobre a necessidade da doação voluntária de sangue, a Fundação Hemominas mantêm o Programa Doador do Futuro, que busca preparar as gerações futuras com o incentivo à ação de doação de sangue.

As ações acontecem em conjunto com escolas municipais e estaduais, na capital e no interior de Minas Gerais, onde existem núcleos da Hemominas. Ocorrem em cidades como Juiz de Fora, Montes Claros, Pouso Alegre, Uberaba e Uberlândia, entre outras. Clique aqui e para ver as localidades das unidades.

As crianças e jovens participam de diversas atividades como palestras, seminários e gincanas com brincadeiras interativas. O “hemotur”, que também integra o programa, promove visitas guiadas às Hemominas, e a garotada aprende sobre candidatos à doação, coleta de sangue, destinação dos materiais e tiram as suas dúvidas.

“É um projeto muito extenso, com mais de 320 mil estudantes do ensino médio atendidos para promover a cultura da doação de sangue no dia o dia dos jovens”. Viviane Guerra, assessora da Gerência de Captação da Fundação Hemominas.

O programa “Doador do Futuro” comemora, em 2017, 30 anos de atividades preparando crianças e jovens para uma doação de sangue consciente e responsável, além de torná-los multiplicadores dessa ação voluntária.

Os trabalhos do programa “Doador do Futuro” tiveram início em 1987, durante o XI Congresso Nacional do Colégio Brasileiro de Hematogia, realizado em Belo Horizonte, sendo a primeira experiência feita entre crianças matriculadas no ensino fundamental de uma escola particular da capital mineira.

Doador no interior

Em Juiz de Fora, cerca de 150 alunos da rede pública participaram das últimas palestras “Doador do Futuro” promovidas no mês de abril, pelo setor de Captação da Fundação Hemominas.

As palestras foram ministradas pela servidora Cláudia Lanna, assistente social da unidade de JFO, que destaca o envolvimento das crianças durante o encontro.

“Ministrar as palestras é muito gratificante, pois as crianças e jovens se interessam. Querem dar exemplos e falar de algo que já vivenciaram com relação ao assunto”, diz Cláudia.

Para facilitar o entendimento dos participantes, durante a palestra foi criada a “Liga da Justiça da Saúde”, na qual cada um deles se tornou um super-herói encarregado de levar as informações que eles receberam para casa e convidar os parentes em idade de doar, a comparecer à Hemominas para realizar a doação.

Agendamento MG App

A Hemominas lançou, no mês de agosto, o agendamento direto por meio do aplicativo para celular MG App para as pessoas que desejam doar sangue.

A Hemominas tem capacidade de receber até 400 doações de sangue por dia e, com o reforço do principal aplicativo para smartphones desenvolvido pelo Governo do Estado de Minas Gerais, é esperado o aumento do comparecimento de doadores.

Para acessar a nova função, entre no aplicativo MG App e, em seguida, acesse o menu no canto superior esquerdo (três listras horizontais). A seguir, marque a opção “Agendamento de Serviços” e, então, pressione “Agendar Serviços”.

Na nova lista de opções, procure por “Doação de sangue” e selecione. O próximo passo é definir o município, clicar em “avançar” e, por fim, definir o melhor dia e horário para o agendamento na unidade escolhida.

IMPRIMIR
Fonte:

Segov