Nesta quinta-feira (15), Policiais Militares de Arcos compareceram a uma fazenda no distrito de Calciolândia onde uma mulher informou que o irmão dela havia sido ameaçado por um homem com uma arma de fogo.

De acordo com a mulher, o suspeito teria efetuado um disparo para intimidar a população. A vítima das ameaças, um jovem de 26 anos, confirmou a versão, acrescentando que tudo se deu por causa de um desacordo financeiro em função de um veículo que não teve a documentação transferida.

Após rastreamento a PM localizou o suspeito em companhia de outro homem. Os dois estavam a cavalo à beira da estrada e o responsável pelas ameaças negou ter utilizado arma de fogo.

Já o amigo do suspeito disse à PM que o fato realmente havia ocorrido e confessou aos militares que a arma, um revólver calibre 32, estava escondido no meio do mato.

O revólver continha três munições, sendo duas intactas e uma deflagrada. O homem foi preso em flagrante por ameaça e porte ilegal de arma.

(Foto: Polícia Militar)

 

 

Fonte: Polícia Militar||

print

Comentários