Um idoso de 65 anos foi preso na tarde desta terça-feira (6) em Pará de Minas após tentar fazer uma transação bancária de mais de R$ 31 mil.

De acordo com a Polícia Militar, o idoso se apresentou em uma agência bancária da cidade para receber o dinheiro de uma ação judicial previdenciária, utilizando um documento de identidade falso. O caso está sendo tratado como estelionato e será investigado pela Polícia Civil.

Tentativa de golpe

A PM foi acionada por funcionários da agência bancária, que desconfiaram da autenticidade do documento apresentado e também da atitude do suspeito. Ele queria transferir o dinheiro do saque para a conta de outra pessoa.

Sem conseguir fazer o saque, o suspeito deixou a agência e, durante rastreamento na região central de Pará de Minas, foi identificado pela polícia, que constatou o uso de documento falso.

O idoso informou aos militares que teria sido contratado por um homem para tentar receber e transferir o dinheiro. Em troca, ele receberia pelo serviço quantia de R$1 mil A polícia não deu informações sobre o suposto comparsa.

A PM informou que o idoso tem passagens por receptação e falsificação de documentos. Ele oi levado para a delegacia da cidade.

Imprimir

Fonte:

G1