Os beneficiários do programa Bolsa Família têm até o dia a próxima terça-feira (24) para fazer gratuitamente a inscrição ao processo de seleção pública do Programa de Mobilização da Indústria Nacional de Petróleo e Gás Natural (Prominp). O curso é para a qualificação da mão de obra e para atender às futuras demandas da indústria nacional de petróleo e gás, especialmente às da Petrobras.
A isenção da taxa é garantida para as pessoas inscritas no Cadastro Único dos Programas Sociais do Ministério de Desenvolvimento Social.
Para pedir a isenção, basta preencher a ficha de inscrição, que está na internet, na página do Prominp (www.prominp.com.br). É necessário preencher o Número de Identificação Social (NIS).
O beneficiário que não souber o NIS deve procurar um Centro de Referência de Assistência Social ou outro local de atendimento do programa Bolsa Família da cidade ou uma agência da Caixa Econômica Federal. Para poder solicitar o número, o candidato deve apresentar documento de identidade.
Quem não cumprir o prazo para ter a gratuidade do curso poderá fazer a inscrição até o dia 12 de setembro, mas ,a partir disso, terá que pagar uma taxa que varia de R$ 24 a R$ 60, de acordo com o nível da capacitação. São oferecidas 27.915 vagas para cursos gratuitos em categorias profissionais de níveis básicos, médio, técnico e superior, em 13 estados.
Para concorrer a uma dessas vagas oferecidas, o candidato deve ter idade de 18 anos ou mais, além de preencher os requisitos do curso desejado. As inscrições podem ser feitas através do site do Prominp (www.prominp.com.br) ou nos locais de inscrição credenciados, listados no edital. Outros postos serão feitos no decorrer do período de inscrições e divulgados no site do programa. O processo será divulgado pela Fundação Cesgranrio.
As vagas são oferecidas para os estados do Amazonas, Bahia, Ceará, Espírito Santo, Maranhão, Minas Gerais, Pernambuco, Paraná, Rio de Janeiro, Rio Grande do Norte, Rio Grande do Sul, Sergipe e São Paulo.
Durante o curso os candidatos que estiverem desempregados receberam uma bolsa auxilio mensal no valor de R$ 300 (curso de nível básico), R$ 600 (níveis médio e técnico) e 900 (nível superior).
Não garante emprego a participação dos alunos nos cursos. O objetivo é a melhoria da qualificação dos profissionais que serão, eventualmente, aproveitados pelas empresas privadas fornecedoras de bens e serviços do setor de petróleo e gás natural.
?Isso se trata de oportunidade, que com certeza pode mudar radicalmente a vida de quem conseguir passar nas provas, concluir o curso e se empregar em uma das empresas do setor de petróleo e gás? , comenta o secretário de Articulação para Inclusão Produtiva do Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Ronaldo Garcia.

Mais Informações sobre a gratuidade de taxa de inscrição:
Para isentos, o período de inscrição será até o dia 24 de agosto.
Não será aceita a solicitação de isenção de pagamento de taxa de inscrição via correio ou via fax.
No dia 2 de setembro, os resultados dos pedidos serão divulgados no site da Cesgranrio (www.cesgranrio.org.br) ou pelo telefone 0800 701 2028.
O candidato estará automaticamente inscrito se o pedido for validado, agora se o pedido for negado, a inserção será cancelada e o candidato terá de fazer uma nova inscrição paga.
Poderá pedir isenção da taxa de inscrição o candidato que possuir o Número de Identificação Social (NIS) e se declarar membro de família de baixa renda (com renda familiar mensal per capita de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos).
Não há necessidade alguma do envio de documentos para a Cesgranrio.
Para mais informações sobre o edital entre em contato com o atendimento da Cesgranrio (0800 701 2028) ou registre sua dúvida no site do Prominp, na seção Fale Conosco.

print
Comentários