Os jogadores foram recebidos com muita festa, ao som do Hino do FEC, com uma faixa motivacional e muitos aplausos. A alegria tomou conta do lugar e os sorrisos estavam garantidos nos rostos de cada um dos alunos e diretores da entidade, também se percebia a emoção dos jogadores e da comissão técnica do Formiga com esta confraternização.
Segundo o tesoureiro do FEC e também um dos diretores da Apae, Paulo Roberto de Oliveira (Paulinho), há três anos que o Formiga faz esta visita aos estudantes e eles já estavam cobrando a ida o time este ano. Paulinho enfatizou que a principal missão dessa ida à Apae é mostrar a todos que devem acreditar até o último minuto que vão chegar aos seus ideais e que vão conseguir se superar.
Na oportunidade, em nome da diretoria e alunos da Apae, ele desejou força aos jogadores e comissão do FEC e comissão técnica e agradeceu por oportunizarem esses momentos de alegrias para os estudantes.
Os jogadores ?bateram uma bolinha? com os alunos da Apae, jogaram capoeira e distribuíram pirulitos. A diversão foi total.
Este também foi um momento importante para os jogadores, pois, além de praticarem a responsabilidade social, é um momento de motivação. O carinho dos alunos, as palavras de superação e a confiança transmitida aos atletas certamente trazem efeitos positivos e os motivam ainda mais ao trabalho e a buscarem as vitórias.

Pronunciamentos
O técnico Brandão agradeceu em nome de todos do FEC. ?Em primeiro lugar, a gente quer agradecer de coração esta oportunidade, através do nosso diretor comum, que é o Paulinho, que é um grande colaborador nosso no Formiga e mais ainda aqui com vocês [na Apae] e dizer a todos que foi uma manhã maravilhosa, uma satisfação enorme, em nome de todo grupo de atletas e de toda a diretoria do Formiga, e queremos parabenizar a direção, a todos que aqui militam por este grande trabalho? .
O zagueiro Fênix falou em nome dos jogadores da satisfação de estarem ali junto aos alunos da Apae e ressaltou a mensagem que todos devem lutar pelos sonhos. ?Podem ter certeza que, amanhã, se Deus quiser, nós vamos fazer por jus a esta torcida maravilhosa que tem torcido por nós a cada dia. Quero pedir a Deus que dê força às pessoas que lideram este trabalho, para ter paciência, aos pais dessas crianças, para cada dia mais amá-las e cuidar delas da forma devida e que todos venham a ter saúde e paz. Esse é o nosso desejo de todos os jogadores? , enfatizou.
O atacante Gil recebeu das mãos de um dos alunos uma mensagem motivacional e leu aos companheiros as palavras de incentivo da família apaeana aos jogadores do FEC, que amanhã têm um novo desafio pela frente, diante do Guarani, e precisam de muita força, superação e motivação para mais esta batalha.

Imprimir
Comentários