Da Redação

O portal Últimas Notícias confirmou, em primeira mão, na noite dessa terça-feira (1º), que a Justiça determinou a soltura de um dos presos na operação Lanterna dos Afogados.

A ação foi deflagrada na sexta-feira passada (27) pelo Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público, Polícias Militar e Civil e Departamento Penitenciário Estadual (Depen). Na ocasião, 15 pessoas foram presas.

De acordo com Adriana Prado, advogada do investigado, a prisão foi revogada devido ao entendimento da Justiça de que não havia necessidade de mantê-lo na prisão.

Adriana ainda informou que, diferente de informações que circulam pela cidade, a soltura do cliente dela, que foi liberado da Penitenciária de Formiga por volta das 19h30, nada tem a ver com delação premiada, salientando que a soltura ocorreu devido a revogação da ordem de prisão temporária que havia sido cumprida na data da operação.

Imprimir
Comentários