O lavrador Wilmar José da Silveira, de 37 anos, morador da comunidade rural de Vendinha que estava desaparecido desde o início da manhã de terça-feira (10) voltou para casa nessa quinta-feira (12).
Bastante atordoado e desnutrido, o lavrador garantiu à família que não havia saído da fazenda onde mora e que havia ficado todo esse tempo assentado debaixo de um dos pés de café da propriedade, mas que perdeu a noção do tempo, que estava tendo lapsus de memória e não se recordava do que havia acontecido durante os três dias em que esteve longe de casa.
De acordo com informações da irmã dele, Jacira Maria, a volta do irmão foi um grande presente de Natal para toda a família, principalmente para os dois filhos que se sentiram aliviados pelo retorno do pai. ?É uma alegria muito grande. Ficamos com medo porque já faziam três dias que ele tinha sumido, mas graças a Deus a notícia não poderia ser melhor!?, contou a irmã do lavrador.

print
Comentários