A Secretaria de Estado de Saúde de Minas Gerais (SES-MG), por meio da Regional de Saúde de Divinópolis, informou na quarta-feira (21), que 61 leitos que estavam sendo usados exclusivamente para atendimento de pacientes com Covid-19 na macrorregião Oeste, foram redirecionados para atender pacientes hospitalizados com outras doenças. A desmobilização poderá ser revista se necessário.

A decisão envolve hospitais de Itapecerica, Formiga, Luz, Lagoa da Prata, Candeias e outras três cidades que compõe a macrorregião Oeste. A medida, segundo a SES-MG, ocorreu devido a avaliação semanal feita pelo Comitê Macrorregional Oeste, que considerou o cenário epidemiológico favorável para redução deste quantitativo de leitos.

Ainda segundo a pasta, semanalmente é verificada a necessidade da manutenção de todos leitos disponibilizados para atendimento à Covid-19, assim como a necessidade de ampliação. Ao todo, foram desmobilizados 20 leitos de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e 41 de enfermaria.

Quantidade de leitos desmobilizados por hospital na Macro Oeste:

Leitos desmobilizados para outras demandas clínicas

CidadesHospitalQuantidade de leitos desmobilizados
Campo BeloSanta Casa3 leitos de UTI
CandeiasHospital Carlos Chagas10 leitos de enferaria
FormigaHospital São Luiz7 leitos de UTI
ItaguaraSanta Casa6 leitos de enfermaria
ItapecericaSanta Casa de Misericórdia5 leitos de enfermaria
LuzHospital Nossa Senhora Aparecida10 leitos de enfermaria
Lagoa da PrataHospital São Carlos10 leitos de UTI
Santo Antônio dos CristaisHospital Municipal10 leitos de enfermaria
Fonte: SES-MG

Estes leitos já eram estruturas existentes e que com agravamento da pandemia, em março de 2020, foram direcionados para atendimento Covid. Com a redução no número de internações verificado nas últimas semanas, eles voltaram a ser direcionados para outras clínicas.

Taxa de ocupação da Macrorregião

A taxa de ocupação da macrorregião Oeste até a quarta-feira (21), segundo a SES-MG, estava em 60,4% de UTI e 43% de enfermaria. Aguardavam por um leito 1 paciente para UTI e 1 para enfermaria.

Com a alteração, a macrorregião Oeste conta com 187 leitos de UTI exclusivos para Covid e outros 309 de enfermaria.

Fonte: G1 Centro-Oeste

print
Comentários