Por Priscila Rocha – Últimas Notícias

Mais um ano se inicia e o descontentamento da população formiguense em relação à infraestrutura da cidade continua a mesma. Em fevereiro de 2019, Formiga foi apelidada de “A Cidade dos Buracos” nas redes sociais. Menos de um ano depois, as vias de grande parte dos bairros continuam em más condições.

A situação continua grave nos bairros localizados nas regiões altas e periféricas do município. O bairro Novo Horizonte é um exemplo da falta de infraestrutura. No domingo (5), um casal ficou ferido após sofrer um acidente no bairro.

As vítimas seguiam em uma Honda Biz pela rua Teresinha Rosalina de Souza e, ao realizar uma conversão, para entrar na via Lúcio da Cruz, a condutora perdeu o controle da direção após a moto cair em um buraco.

A mulher sofreu diversas escoriações e uma lesão no punho direito. O homem sofreu escoriações leves. As vítimas dispensaram o acionamento de socorro.

A cratera se abriu na esquina das vias, no local onde há calçamento português (pé de moleque). O calçamento é uma extensão da rua Teresinha Rosalina de Souza.

Foto: Priscila Rocha/Últimas Notícias

Na esquina das ruas Abner Duarte e Lucinda Santos Gea outra cratera tem gerado quedas de motociclistas e estragos em veículos. O local, que possui uma iluminação insatisfatória durante a noite, se transformou em uma armadilha.

Fotos: Lorene Pedrosa/Últimas Notícias

Diversas ruas do Novo Horizonte estão em más condições. Um bom exemplo é a situação de uma das principais vias do bairro, a Tenente Oscar Teixeira de Lima. A rua, que no ano passado recebeu serviço de tapa-buraco, está tomada por crateras.

Outro exemplo é a rua São Paulo, principal ligação do bairro com o Bela Vista e o Sagrado Coração de Jesus. A rua recebe, constantemente, serviços de tapa-buraco, mas devido à falta de escoamento para a água pluvial, o serviço é paliativo.

“Entra ano, sai ano e a situação das ruas não melhora. Os problemas dessa São Paulo é uma história sem fim. A rua recebe toda a água de chuva do Novo Horizonte e quando a chuva está mais intensa fica difícil até para os motoristas trafegarem”, disse um cidadão que possui um comércio na via.

Umas das vias em que a falta de escoamento sempre foi um problema é a Ibraim Inocêncio da Silva, no Sagrado Coração de Jesus. No ano passado as chuvas danificaram parte do calçamento. A rua passou por reparos, mas o período chuvoso voltou a causar danos. No final do ano passado a Secretaria de Obras e Trânsito iniciou uma obra para resolver o problema com a drenagem na via.

Apesar da instalação de uma “grelha” para captação da água pluvial (foto), com as constantes chuvas registradas nos últimos dias, o piso da via já está irregular e em alguns pontos há até buracos.

Fotos: Glaudson Rodrigues/Últimas Notícias

De acordo com moradores da rua, os buracos já estão causando acidentes com motociclistas e estragos em veículos. “Recentemente uma mulher passou em cima de um desses buracos e o airbag do veículo acionou. O carro teve perda total”, disse um morador.

Desde o ano passado, os moradores têm usado as redes sociais, mais precisamente o Facebook, nas páginas Observatório da Política Formiguense, Cidadão Fiscal Formiga/MG e Reclame Aqui – Formiga/MG, para postar imagens e vídeos das vias danificadas na cidade e manifestarem a indignação com a falta de infraestrutura.

“Sabemos que não são apenas os moradores do Novo Horizonte que sofrem com esse tipo de situação. Assim como temos ciência de que a culpa não é exclusivamente desta gestão. A culpa é de todos os prefeitos que administraram a cidade. Não existe um bairro em Formiga que tenha um projeto decente de escoamento de água pluvial. Sempre foi assim, no período chuvoso as ruas ficam destruídas, após as chuvas a administração realiza uma obra “meia boca” que dura até o próximo período chuvoso. O pior de tudo é que a recuperação das vias é feita com dinheiro provindo dos impostos que nós pagamos. A verba nada mais é do que o retorno obrigatório que devemos ter. E mesmo assim nenhum administrador nunca se preocupou em resolver esse problema na cidade. E assim, ano após ano, nosso dinheiro vai embora com as enxurradas”, desabafou o comerciante da rua São Paulo.

Operação tapa-buraco
O Departamento de Comunicação da Prefeitura (Decom) informou ao Últimas Notícias que a manutenção das vias da área urbana da cidade será realizada após o período chuvoso.

Imprimir
Comentários