Redação Últimas Notícias 

O prazo para a regularização do título de eleitor terminou no dia 6 deste mês e quem não colocou a situação em dia já está com o documento cancelado. A Justiça Eleitoral disponibilizou, na segunda-feira (27), nos sites do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) e dos Tribunais Regionais Eleitorais (TREs), os nomes dos eleitores e os números dos títulos  cancelados devido ao não comparecimento nas três últimas eleições.

Segundo o chefe do Cartório Eleitoral de Formiga, Marcos Eugênio Lopes, nos municípios de Formiga, Córrego Fundo e Pimenta, que compõem a Zona Eleitoral 114ª, 896 títulos foram cancelados: 41em Córrego Fundo,77 em Pimenta e 778 em Formiga.

Ainda segundo Marcos, o número de títulos passíveis de cancelamento, era de 938. Apenas 42 eleitores, sendo 37 de Formiga e cinco de Pimenta regularização a situação eleitoral.

O cancelamento do título eleitoral provoca uma série de consequências, como impedir a obtenção de passaporte e carteira de identidade, o recebimento de salário de função ou emprego público, e financiamento. A ausência de registro também pode dificultar matrícula em instituições de ensino e a nomeação em concurso público.

De acordo com Marcos, quem teve o título cancelado, está sujeito à multa e deve procurar o Cartório Eleitoral, localizado à rua Silviano Brandão, 156, Centro para regularizar o documento. O valor da multa é R$3,50 por cada turno.

Atualmente, Formiga conta com 54.620 eleitores, Córrego Fundo com 5.171 e Pimenta com 6.958 eleitores.

Na região

Formiga está entre as cidades da região Centro-Oeste que tiveram o maior número de títulos cancelados. Além do município constam na lista: Divinópolis (2.421), Nova Serrana (1010), Pará de Minas (1001), Itaúna (877)e Lagoa da Prata (735).

No país foram 2.486.495 títulos cancelados, 226.761 somente em Minas Gerais.

Para saber se o seu título foi cancelado, é preciso consultar a situação no site do TSE na área de “Serviços ao Eleitor – Situação eleitoral – consulta por nome ou título” ou comparecer a qualquer cartório eleitoral com um documento de identificação com foto.

Regularização

O eleitor que teve o título cancelado deve pagar uma multa e, em seguida, poderá fazer a regularização da situação no cartório eleitoral. É preciso levar documento de identificação oficial original com foto, comprovante de residência e o título, se ainda tiver. A guia pode ser emitida no site do TRE.

Imprimir
Comentários