A Associação Mão Amiga recebeu denúncias de cidadãos que afirmam terem sido abordados em casa por pessoas que pediam doações em nome de pacientes com câncer assistidos pela entidade.
Na maioria dos casos, os doadores informaram que essas pessoas diziam que a contribuição seria destinada aos pacientes com câncer atendidos pela Associação Mão Amiga. Eles também apresentavam panfletos que a entidade distribui para todos os cidadãos com o objetivo de prevenir o aumento da doença.
Diante das denúncias, a Associação Mão Amiga faz um importante alerta à comunidade: somente a equipe do setor de Tele-Doações da instituição está autorizada a pedir doações para a assistência social, humana e terapêutica oferecida para centenas de pacientes com câncer de Formiga e região. Além disso, a entrega da contribuição, seja em dinheiro ou em produtos, deve ser feita somente aos mensageiros da entidade, que sempre se apresentam uniformizados e com crachá.
Outro ponto importante: o valor da doação jamais é ?negociado? na visita do mensageiro; os recibos já vêm preenchidos com o nome do doador e o valor exato da contribuição previamente combinada, por telefone (exceto nos casos de doadores que já assumiram o compromisso de contribuir mensalmente).
A presidente voluntária da Associação Mão Amiga, Wilse Marques Faria, adverte: ?Infelizmente, hoje em dia, há muitas pessoas pedindo doações de porta em porta ou na rua dizendo buscar ajuda para uma pessoa com câncer ou outra doença grave. Na maioria das vezes, isso não é verdade e o dinheiro doado não beneficia qualquer pessoa doente. Por isso, nossa recomendação é que os cidadãos contribuam com pessoas carentes conhecidas ou com entidades comprovadamente idôneas, preferencialmente, é claro, de nossa cidade e nossa região?.
A diretoria voluntária da entidade também esclarece que ela não faz campanhas de porta em porta e não vende produtos para ajudar a sustentar suas atividades (exceto aqueles que se encontram em seu bazar).
A Associação Mão Amiga também não mantém parceria ou convênios de captação de recursos com outras entidades locais ou de outras cidades. Nenhuma doação feita para outra entidade, portanto, é destinada para o apoio aos pacientes assistidos pela associação formiguense.
Caso o doador tenha dúvidas, a Associação Mão Amiga pede que os cidadãos entrem em contato com a entidade pelo telefone 3322-3291, ou diretamente em sua sede, na rua Lassance Cunha, 39, no Centro.

print
Comentários