Após um ano de 2014 histórico, onde desbancou a lenda do surfe Kelly Slater e se tornou o primeiro brasileiro campeão mundial, o paulista Gabriel Medina irá concorrer ao Prêmio Laureus World Sports, considerado o “Oscar do Esporte”.

O surfista de São Sebastião/SP irá concorrer na categoria “Esportes Radicais” na premiação que irá acontecer em Xangai, na China, no próximo dia 15 de abril.

“Foi um desempenho fantástico para um atleta de 20 anos de idade. Ele surfou com consistência durante o ano todo, mas ainda precisou manter o controle para conquistar seu título no Havaí, em dezembro. Isso exige cabeça fria nessa idade. Podemos estar entrando em uma nova era de jovens surfistas emocionantes e acho que Gabriel poderia ser uma força importante no futuro. Ele certamente merece a indicação este ano e eu o parabenizo”, afirmou Robby Naish, membro da Laureus World Sports Academy e campeão mundial de windsurf por 22 vezes.

Os concorrentes de Medina na premiação são a também surfista Stephanie Gilmore, que conquistou seu sexto título mundial em 2014, o skatista Nyjah Houston, ouro nos X-Games com a maior nota da história (95.00) e Sage Kotsenburg, primeiro medalhista olímpico dos Jogos de Inverno na modalidade slopestyle.

Na principal categoria do Laureus, dada ao melhor atleta do ano, o tenista Novak Djokovic, o jogador de futebol Cristiano Ronaldo e o piloto Lewis Hamilton concorrem ao prêmio.

James Rodriguez, Mario Gotze e Daniel Ricciardo concorrem na categoria “Revelação do Ano”, enquanto a seleção alemã de futebol, o Real Madrid, o San Antonio Spurs, a Mercedes e o time da Suíça de tênis disputam o título de melhor equipe.

Redação do Jornal Nova Imprensa ESPN

Imprimir
Comentários