Seis pessoas morreram e mais de cem ficaram feridas nesta segunda-feira (17) no incêndio em um hospital público de Mumbai, oeste da Índia, anunciaram autoridades locais.

O incêndio começou por volta das 16h (9h30 de Brasília) no quarto andar do hospital público ESIC Kamgar, localizado em Andheri, subúrbio da zona norte de Bombaim.

Seis pessoas morreram na tragédia, de acordo com um comunicado divulgado pelas autoridades responsáveis pelo gerenciamento de catástrofes. Além disso, cerca de 150 pacientes, médicos e enfermeiros foram evacuados do hospital.

“Eles foram resgatados em diferentes andares pelos bombeiros”, informou à agência de notícias PTI uma autoridade. Os resgatados foram levados para outros hospitais.

As causas do incêndio ainda não foram determinadas.

Incêndios acidentais são frequentes na Índia, especialmente em Mumbai, a capital econômica do país, devido a regulamentações muito frouxas e critérios de segurança insuficientes.

Em dezembro de 2017, 14 pessoas morreram em um grande incêndio que devastou completamente um restaurante da cidade.

No início de dezembro, um incêndio destruiu uma confeitaria também em Mumbai, causando o colapso de um prédio e a morte de 12 pessoas que dormiam nele.

IMPRIMIR

Fonte:

G1