Uma mulher invadiu a casa do vizinho e espancou um filhote de pitbull de 8 meses. Em vídeo divulgado nas redes sociais, é possível ver ela com um pedaço de pau batendo no animal que acuado, e sem nenhuma reação, tentava se desvencilhar da agressora pela área externa da casa. O crime ocorreu no bairro Ouro Negro em Formiga e gerou a revolta dos internautas.

De acordo com informações da Associação Protetora dos Animais de Formiga (APAF), uma protetora acionou a Polícia Civil que ao chegar no local, constatou que o animal era dócil e que ele estava muito amedrontado. O pitbull estava com escoriações nos olhos, no focinho e com a pata quebrada.

Foto: Reprodução/Redes Sociais

O filhote de pitbull foi apreendido e levado ao veterinário para avaliação e medicação.

Em comunicado, a Apaf ressaltou que é importante a população se conscientizar e sempre denunciar qualquer tipo de maus tratos contra os animais. “Nós somos a voz deles e eles só tem a nós”, enfatizaram.

A Polícia Civil constatou que a mulher estava sob efeitos de remédios e que a agressão foi motivada pelo animal ter matado a maritaca dela. A mulher será processada nos termos da Lei Sansão (Lei 14.064/2020). Além da agressão, ela também responderá por ter animal silvestre em casa e por invasão de domicílio. As despesas com o tratamento veterinário serão custeadas pela família da agressora.

O delegado regional da Polícia Civil, Tiago Veiga Ludwig, dá mais detalhes sobre o caso. Confira o vídeo abaixo:

Lei Sansão

Animais vivendo em locais inapropriados e repletos de sujeira, acorrentados ou aprisionados em espaços muito pequenos, sem água e comida, machucados ou mutilados. Estes são alguns exemplos de maus tratos e que se enquadram na Lei Sansão.

A legislação abrange animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos e prevê pena de reclusão de dois a cinco anos para prática de abuso e maus tratos, além de multa e proibição da guarda.

(Matéria em atualização)

print
Comentários