Muitas taças, uma camisa forte e milhões de torcedores espalhados pelo Brasil e pelo mundo. O Cruzeiro comemora, nesta quarta-feira (2), 98 anos de vida. Para comemorar o aniversário, o clube realizará a tradicional Missa em Ação de Graças no ginásio do Barro Preto, às 19h (de Brasília). A missa, que é aberta aos torcedores, será ministrada pelo padre Gilson de Oliveira Filho e contará com a participação do coral Franpax.

Fundado em 1921, o Cruzeiro teve como primeiro nome Societá Sportiva Paletra Itália. Por ser frequentado por italianos, que, na época, eram comerciantes, artesãos e operários, o clube ganhou carinho das camadas menos abastadas da recente Belo Horizonte e que não encontravam espaço nas outras associações esportivas na época.

Wilson Gottardo ergueu o troféu do bicampeonato da Libertadores em 1997 — Foto: Divulgação/ Cruzeiro

Wilson Gottardo ergueu o troféu do bicampeonato da Libertadores em 1997 — Foto: Divulgação/ Cruzeiro

Entretanto, o rompimento de relações diplomáticas do Brasil com a Itália por causa da Segunda Guerra Mundial, em 1942, fez com que o Palestra Itália passasse a se chamar Cruzeiro Esporte Clube. O nome foi inspirado na constelação austral que está na bandeira do Brasil. O uniforme também mudou: saiu o verde e vermelho, em homenagem à bandeira italiana, e foi adotado o azul e branco, inspirado pela seleção da Itália.

Avatar comemorativo de aniversário de 98 anos do Cruzeiro Esporte Clube

Avatar comemorativo de aniversário de 98 anos do Cruzeiro Esporte Clube

Com torcedores em menor número do que os rivais Atlético-MG e América-MG nas primeiras décadas, o Cruzeiro passou a ganhar grande popularidade com a construção do Mineirão na década de 1960. Além disso, formou uma das históricas formações do clube, contando com Tostão, Dirceu Lopes, Piazza, Natal e Raul e outros que ainda estão na lembrança do cruzeirense. A notoriedade ocorreu em 1966, com o título da Taça Brasil, equivalente ao Campeonato Brasileiro, com uma marcante goleada por 6 a 2 sobre o Santos, de Pelé, Carlos Alberto e companhia.

Tostão beija o troféu da Taça Brasil de 1966, primeiro Campeonato Brasileiro da história do Cruzeiro — Foto: Acervo/Cruzeiro

Tostão beija o troféu da Taça Brasil de 1966, primeiro Campeonato Brasileiro da história do Cruzeiro — Foto: Acervo/Cruzeiro

Em 1976, a primeira Libertadores em cima do River Plate, da Argentina, em uma decisão disputada em três partidas. Após uma década de 80 complicada, com apenas dois títulos estaduais, o Cruzeiro voltou a brilhar. Entre 1990 e 2004, viveu seu período mais glorioso, conquistando pelo menos um troféu por ano. Neste período, o time venceu outra Libertadores (1997), duas Supercopas da Libertadores (1991 e 1992), uma Copa Master (1995), uma Copa Ouro (1995), um Brasileirão (2003), quatro Copas do Brasil (1993, 1996, 2000 e 2003), uma Copa Centro-Oeste (1999), duas Copas Sul-Minas (2001 e 2002), um Supercampeonato Mineiro (2002), duas Copas dos Campeões Mineiros (1991 e 1999), além de oito Campeonatos Mineiros (1990, 1992, 1994, 1996, 1997, 1998, 2003 e 2004).

Cruzeiro conquistou a Copa do Brasil no ano passado, pela segunda vez seguida e a sexta na história — Foto: Marcos Ribolli

Cruzeiro conquistou a Copa do Brasil no ano passado, pela segunda vez seguida e a sexta na história — Foto: Marcos Ribolli

Passou por uma período de entresafra entre 2005 e 2008, mas voltou a figurar em disputas continentais e nacionais, sendo vice-campeão da Libertadores em 2009 e do Brasileiro em 2010. Em 2013 e 2014, levou o bicampeonato do Brasileiro e, nos últimos dois anos, conquistou os títulos da Copa do Brasil, garantindo, assim, participação na Libertadores.

Os títulos do Cruzeiro:

TÍTULOS INTERNACIONAIS:

Copa Libertadores da América: 1976, 1997

Supercopa dos Campeões da Libertadores da América: 1991, 1992

Recopa Sul-Americana: 1998

Copa Ouro: 1995

Copa Master da Supercopa: 1995

TÍTULOS NACIONAIS:

Campeonato Brasileiro: 1966, 2003, 2013 e 2014

Copa do Brasil: 1993, 1996, 2000, 2003, 2017 e 2018

Copa Sul-Minas: 2001, 2002

Copa Centro-Oeste: 1999

TÍTULOS ESTADUAIS:

Copa dos Campeões Mineiros: 1991, 1999

Campeonato Mineiro: 1926, 1928, 1929, 1930, 1940, 1943, 1944, 1945, 1956, 1959, 1960, 1961, 1965, 1966, 1967, 1968 ,1969, 1972, 1973, 1974, 1975, 1977, 1984, 1987, 1990, 1992, 1994, 1996, 1997, 1998, 2002*, 2003, 2004, 2006, 2008, 2009, 2011, 2014 e 2018

Taça Minas Gerais: 1973, 1982, 1983, 1984, 1985

Copa Belo Horizonte: 1960

Torneio Início: 1926, 1927, 1929, 1938, 1940, 1941, 1943, 1944, 1948, 1966

Imprimir