Manifestantes protestaram contra o presidente Jair Bolsonaro (sem partido), nesta segunda-feira (20), quando ele chegava para jantar na residência oficial do embaixador do Brasil junto à ONU, em Nova York, Estados Unidos.

De acordo com o jornal “O Globo”, Bolsonaro chegou ao local por volta de 20h10, pelo horário de Brasília, onde foi oferecido um jantar em sua homenagem.

Ao ouvir as críticas do público, o chefe do Executivo fez um gesto de ‘abafa’, como se pedisse que as pessoas encerrassem o protesto. 

O presidente esteve com o premiê britânico Boris Johnson na tarde dessa segunda-feira. Bolsonaro vai discursar na Assembleia-Geral das Nações Unidas (ONU).

No encontro, Boris elogiou a vacina Astrazeneca, produzida pela Oxford, e Bolsonaro afirmou que ainda não se vacinou.

O presidente brasileiro é o único líder que irá participar da reunião na ONU que declaradamente não tomou a vacina contra Covid.

Fonte: Estado de Minas

print
Comentários