No domingo (4), por volta das 20h45, a PM foi chamada a comparecer em um bar, na rua Newton Garcia Cunha, bairro Santo Antônio. O proprietário, de 36 anos, contou que um homem de 43 anos teria comprado um refrigerante e efetuado o pagamento com uma nota de R$ 20.
Após verificar o número da série, o dono do estabelecimento constatou que a nota era falsa. Ao averiguar a versão do suspeito, de que teria recebido a cédula de outro comerciante, os militares efetuaram a apreensão da nota e a prisão do suposto autor, sendo este liberado em seguida.

print
Comentários