Em cinco anos, o número de doadoras de leite materno no Brasil aumentou 83%, segundo o Ministério da Saúde. Os dados divulgados no lançamento da Campanha Nacional de Doação de Leite Humano, na quinta-feira (1º), mostram que, em 2008, 110.648 mulheres foram aos postos de coleta. Em 2003, esse número foi de 60.441.
O volume de leite coletado, ainda segundo o Ministério, subiu 49,5% no mesmo período (de 99 mil litros em 2003 para 148.052 em 2008) e a quantidade de recém-nascidos que receberam o alimento materno passou de 107.000 para 157.282.
A atriz Samara Felippo é a madrinha da campanha nacional deste ano, junto com sua filha Alícia, de três meses. A expectativa para 2009 é aumentar em 10% o volume de leite materno coletado nos postos distribuídos no país e a quantidade de crianças atendidas pelos bancos de leite nacionais. A rede nacional conta com 196 bancos de leite materno e 73 postos de coleta em funcionamento.
Um levantamento divulgado em agosto deste ano mostrou um aumento de um mês e meio no tempo médio de aleitamento materno no país: passou de 296 dias, em 1999, para 342 dias, em 2008. O leite materno pode reduzir em 13% as mortes de crianças menores de 5 anos, segundo o Ministério da Saúde.

print
Comentários