Pela terceira vez, o líder do Democratas no Senado, Rodrigo Pacheco (MG), foi indicado como um dos parlamentares mais influentes do Congresso Nacional, segundo a pesquisa do Departamento Intersindical de Assessoria Parlamentar (Diap).

 O levantamento, realizado anualmente, destaca os parlamentares que se diferenciam na capacidade de conduzir debates, negociações e articulações.

Apontado, também, como especialista em debates relacionados à justiça e cidadania, o senador Rodrigo Pacheco afirma que figurar novamente entre os “Cabeças do Congresso” é o reflexo da sua atuação na busca de respostas às demandas de Minas Gerais e do Brasil. “Fico muito honrado de novamente ser escolhido e continuarei fazendo um trabalho transparente e comprometido em defesa dos mineiros e de todos os brasileiros”, disse.

Rodrigo Pacheco já esteve no levantamento no primeiro ano do mandato de senador e também como deputado federal. Nesta edição, também destacou-se na categoria articulador/organizador, definida pelo Diap como “parlamentares com excelente trânsito nas diversas correntes políticas, cuja facilidade de interpretar o pensamento da maioria os credencia a ordenar e criar as condições para consenso”. O Departamento diz, ainda, que nessa categoria constam os políticos que, normalmente, têm livre acesso aos bastidores e ao poder institucional.

print
Comentários