Pelo menos dez pacientes com confirmação ou suspeita de contaminação pelo coronavírus em Bom Despacho descumpriram o isolamento social e podem responder criminalmente por isso. A Secretaria Municipal de Saúde da cidade registrou as ocorrências junto à Polícia Militar e as encaminhou ao Ministério Público.

“Eles poderão responder criminalmente por atentar contra a saúde da população”, destaca o gerente de Epidemiologia do município, Fernando Júnior, em nota da Prefeitura. Ao serem notificados da suspeita ou confirmação da Covid-19, os pacientes assinam um documento em que se comprometem a ficar isolados. 

“Cumprir o isolamento e informar a verdade é importantíssimo para que a equipe de monitoramento da Saúde consiga acompanhar todas as pessoas suspeitas e que tiveram contato com elas. Só assim é possível controlar a situação do vírus na cidade”, explicou Júnior.

A Prefeitura de Bom Despacho justifica que, quando o paciente não cumpre o isolamento ou não informa com precisão com quem teve contato, não é possível monitorar os casos, o que pode atrapalhar o planejamento da cidade contra a doença e, segundo a Prefeitura, levar à sobrecarga do sistema de saúde.

Bom Despacho contabiliza 31 casos confirmados de Covid-19 e uma morte. Outros 319 pacientes estão com suspeita da doença, segundo dados da Prefeitura.

Fonte: O Tempo Online

Imprimir
Comentários