Na tarde dessa segunda-feira (1º), a Polícia Militar de Perdões acionou o Corpo de Bombeiros de Lavras para atender uma ocorrência de afogamento.

Pai e filho morreram afogados numa lagoa na zona rural, lugar conhecido como Serra do Peão.

Segundo relato de testemunhas, um homem estava com seus dois filhos de 14 e 15 anos, além de um adolescente amigo dos filhos, de 17 anos.

O adolescente de 14 anos resolveu atravessar a lagoa, porém, não sabia nadar. Em dado momento ele começou a se afogar, então o amigo de 17 anos e o irmão de 15 anos tentaram socorrê-lo, porém não conseguiram.

Desesperado, o pai do adolescente se lançou na água para socorrer o filho, porém ele também se afogou.

Os bombeiros de Lavras realizaram mergulhos com equipamentos apropriados e encontraram os dois corpos, eles estavam próximos e a uma profundidade de cerca de 5 metros.

As vítimas eram moradores do bairro Santa Terezinha, em Perdões.

Os afogamentos lideram a lista de ocorrências do Corpo de Bombeiros de Minas Gerais. É necessário ficar atento aos riscos, observar se o local onde você está é ou não permitido nadar, e ficar atento às informações do Corpo de Bombeiros.

Para se ter uma ideia, nos três primeiros dias deste ano, 17 pessoas morreram em afogamentos no Estado. No ano passado, 333 pessoas morreram afogadas em cachoeiras, rios e lagos de Minas Gerais. Comparado ao ano de 2019, houve um aumento de 18% nas mortes por afogamento no Estado.

Fonte: Portal Campo Belo

print
Comentários