O governo de Minas Gerais quita nesta quarta-feira (26) a última parcela dos vencimentos de setembro, pelo mês trabalhado em agosto, a todos os servidores.

A decisão foi confirmada em reunião hoje, segundo o governo, em razão do fluxo de caixa. O comunicado seguiu para os sindicatos representantes das diversas categorias. Receberão os funcionários da ativa e inativos.

Pela escala divulgada no início do mês, apenas os funcionários da segurança, Fhemig, Hemominas e Ipsemg receberiam a última parcela nesta quarta-feira. Para os da educação e demais categorias, o restante do contracheque seria quitado na sexta-feira, dia 28.

Com isso, pelo menos para a última parcela deste mês, que antecede as eleições de outubro, o governador Fernando Pimentel (PT) consegue atender a uma das mais recorrentes demandas do funcionalismo: a de isonomia no pagamento de todas as categorias.

O estado tenta para o mês de outubro anunciar uma escala única para todo o funcionalismo, também para atender ao comitê de servidores que começou a se reunir este mês. O governo marcou para o dia 2 de outubro uma reunião para anunciar a escala de pagamento do mesmo mês aos servidores.

Fluxo de caixa

Segundo o assessor para relações sindicais e trabalhistas do Estado, Carlos Calazans, o governo está cumprindo rigorosamente a escala após a instituição da comissão de servidores e, este mês, houve uma melhora no fluxo de caixa.

“Íamos pagar hoje a parcela de parte dos servidores e, no dia 28, depositar para os demais, mas conseguimos antecipar, o que era um desejo grande nosso e uma reivindicação dos sindicatos, que se pagasse todos juntos”, afirmou.

Calazans negou que a medida tenha relação com a questão eleitoral. “Se conseguimos um fluxo de caixa melhor, por que não pagar todo mundo de uma vez? Não tem nada a ver com eleição”, disse.

Pela escala de setembro, os servidores da Segurança, Fhemig, Hemominas e Ipsemg receberam as parcelas no dia 13 (R$ 3 mil)  e nesta quarta-feira (restante). Já os da educação e demais tiveram a primeira parcela no dia 13 (R$ 2.000) e um complemento de R$ 1 mil no dia 20.

Confira o comunicado do governo de Minas

‘A Secretaria de Fazenda informa que, conforme acertado com a Comissão de Acompanhamento da Folha de Pessoal, formada por representantes do governo e dos sindicatos, o depósito da última parcela dos salários, inicialmente previsto para o dia 28/9, foi antecipado para esta quarta-feira (26/9). Com a medida, todos os servidores (ativos e inativos) do Executivo Estadual receberão seus vencimentos ao longo do dia.’

Veja como ficou a escala de setembro:

Para os servidores do Ipsemg, Fhemig, Hemominas e Segurança Pública (ativos, inativos e pensionistas):

13/9 (quinta-feira): 1ª parcela de  até R$ 3.000.

26/9 (quarta-feira): 2ª parcela restante do salário.

Para os demais servidores da educação e demais categorias (ativos, inativos e pensionistas):

13/9 (quinta-feira): 1ª parcela até R$ 2.000

 

 

Fonte: Estado de Minas ||

print

Comentários