O Supremo Tribunal Federal determinou que Hugo Sérgio Marques, 51, (foto) passe a se chamar Hugo Sérgio Marques Abravanel, após reconhecer que ele é filho do empresário Silvio Santos, dono da rede SBT. A história, digna de um dramalhão televisivo, é manchete hoje do jornal paraense O Impacto: Hugo soube que era filho de SS em 1982, quando a mãe, Wilma Marques, após a morte do marido, decidiu ceder à pressão do filho e contar a verdade, em frente à TV, quando Silvio Santos estava no ar. O empresário, que nunca escondeu o desejo de ter um filho na prole de meninas, negou até a última instância judicial que fosse o pai de Hugo, faltando a cinco exames de DNA em São Paulo. A mãe saiu de Porto Alegre (RS) e, morando em São Paulo, conheceu o então radialista Silvio Santos. Voltou grávida à capital gaúcha e casou, escondendo de todos a paternidade do menino. Casado e pai, Hugo lembra do pôster de Silvio Santos no quarto da mãe e da semelhança física com o empresário, sussurada entre vizinhos e amigos. A longa batalha de quase duas décadas terminou quando a Justiça presumiu a veracidade do fato alegado na primeira instância. O filho de SS, que vive no Pará e professa religião judaica do pai, agora é herdeiro dos Abravanel e sofre com o assédio de amigos e falsos amigos, mas diz se sentir aliviado.

Imprimir