Da Redação

A tentativa de acordo sobre a gestão, definindo direitos e obrigações e regulando o uso do espaçodo Formiga Tênis Clube (Praça de Esportes e Cultura), pelo município e/ou Estado, em reunião realizada no Ministério Público, na quarta-feira (30), com representantes das partes envolvidas, não obteve sucesso e a pendenga continua.

O secretário de Estado de Esportes, Arnaldo Gontijo de Freitas esclareceu  que até quarta-feira (30), não havia recebido nenhuma proposta formal da Prefeitura, manifestando desejo de administraro ginásio da Praça de Esportes. Disse ainda, que era preciso defender os associados na cessão do ginásio de esportes para a Prefeitura, sem a ressalva de uso para o clube.

Diante do impasse, ficou acordado que o município por meio da Secretaria de Educação apresentará a proposta formal ao Estado e ao Formiga Tênis  Clube, num prazo de 15 dias.

Arnaldo Gontijo se comprometeu a analisar a proposta tão logo ela chegue ao seu gabinete, assim como as demais propostas de retomada da Praça de Esportes ou de execução do projeto apresentado pelo Corpo de Bombeiros.

O clube também se comprometeu a analisar as propostas visando a utilização do Ginásio.

A promotora Clarissa Gobbo dos Santos fixou o prazo máximo de 60 dias para solução das pendências, sem o que, o MP promoverá a execução do Termo de Ajuste de Conduta (TAC) existente, judicialmente.

Além do secretário de Estado de Esporte, firmaram o TAC os representantes do Formiga Tênis Clube, Edésio Chaves Mota e Leonardo Nogueira Coelho e orepresenteda Secretaria de Esportes do município, o assessor Paulo Eustáquio Ribeiro.

Mesmo com o impasse sobre o uso da Praça de Esportes para a realização dos Jogos Estudantis Rubens Paiva (Jerp) e o Jerpinho, oinício das competições está marcado para ocorrer no dia 11 deste mês.

A promotora Clarissa Gobbo dos Santos (Fotos: Divulgação)

O secretário de Estado de Esportes, Arnaldo Gontijo de Freitas

IMPRIMIR