O Ministério do Planejamento autorizou a realização de concurso público para 200 vagas de auditor-fiscal e de 750 vagas para analista-tributário da Receita Federal do Brasil. A portaria de nº 228 foi publicada no ?Diário Oficial da União? desta sexta-feira (25). Os cargos exigem nível superior em qualquer área.
O preenchimento dos cargos dependerá de prévia autorização do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão e está condicionado à existência de vagas na data de nomeação e à declaração do respectivo ordenador de despesa sobre a adequação orçamentária e financeira da nova despesa à Lei Orçamentária Anual e sua compatibilidade com a Lei de Diretrizes Orçamentárias, demonstrando a origem dos recursos a serem utilizados.
A responsabilidade pela realização do concurso público será do Secretário-Executivo do Ministério da Fazenda.
O prazo para a publicação do edital de abertura do concurso público será de até seis meses, contado a partir da publicação da portaria.
Último concurso
Os últimos concursos para analista e auditor foram realizados em 2009 e organizados pela Escola de Administração Fazendária (Esaf) – 77,9 mil disputaram 450 vagas para auditor e 81,3 mil se inscreveram para 700 vagas de analista. Os salários são em média de R$ 13 mil para auditor e de R$ 7,6 mil para analista.
Especialistas são unânimes em dizer que, devido ao conteúdo extenso de disciplinas e exigência de conhecimento aprofundado das matérias, a preparação para o concurso é de médio a longo prazo (mínimo de seis meses). Quem decidir se preparar agora deve avaliar os seus conhecimentos, a sua formação e o tempo disponível para estudo e estar ciente de que terá de competir com candidatos que vêm se preparando há anos.

print
Comentários