Foto: reprodução WhatsApp

O primeiro sábado de verão foi marcado por altas temperaturas, temporais e pelo menos um salvamento de pessoas ilhadas por inundação em Belo Horizonte.

Militares do Batalhão de Choque da Polícia Militar resgataram, durante um temporal na tarde desse sábado (22), uma família que estava ilhada dentro de um carro na Avenida Cristiano Machado, na altura do Bairro Ipiranga, na Região Nordeste da capital.

Segundo a sargento Fátima Luiz, foram usadas cordas para retirar quatro pessoas – três adultos e uma criança –, de dentro de um Peugeot 206 parado na inundação. Por volta das 16h a água subiu muito na avenida, na altura da Rua Leme, perto da Cidade Ozanan.

“Estávamos passando pelo local quando vimos o veículo parado. Decidimos retornar e vimos que a água já estava acima da porta, o que impedia que as pessoas saíssem. Fizemos o salvamento usando cordas. Ninguém ficou ferido, mas o veículo sofreu danos”, afirmou a militar. Após o socorro, os policiais permaneceram em companhia do grupo, para acalmar os ocupantes.

Já em Contagem, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, o Corpo de Bombeiros atendeu a uma ocorrência de queda de árvore na Rua Leblon, no Bairro Durval de Barros. No local, a via foi totalmente obstruída e, por sorte, ninguém se feriu

Granizo

Após a manhã de sol forte, BH registrou pancadas de chuva com granizo, muitos raios e trovoadas. Como o comércio estava funcionando à tarde, devido à proximidade do Natal, era possível ver, no Centro, muita gente sob as marquises ou protegidas em pontos de ônibus. Em algumas esquinas, a chuva provocou alagamento e transbordamento de bueiros.

De acordo com a Defesa Civil (Comdec-BH), as regiões mais atingidas pelo temporal foram o Barreiro e a Centro-Sul. “É uma chuva típica de verão, mas assusta pela quantidade de trovões”, afirmou um homem, ensopado, que entrava na Igreja São José, na Avenida Afonso Pena, para se proteger do temporal que durou cerca de uma hora.

 

 

Fonte: Estado de Minas||

Imprimir

Comentários