Sempre preocupada com a tranquilidade da população e preservação da ordem pública, a Polícia Militar de Minas Gerais desenvolveu as seguintes dicas de segurança. Confira:
Cuidados ao viajar
* Planeje sua viagem com antecedência, consultando o mapa rodoviário para escolher o melhor trajeto, com a menor distância, sem esquecer as rodovias com melhores condições de segurança.
* Nunca dirija cansado ou com sono. A sonolência diminui a capacidade de condução do veículo e seus reflexos. Se necessário, faça uma parada em local seguro.
* Use sempre o cinto de segurança. Lugar de criança é no banco traseiro e usando o cinto de segurança ou cadeirinha apropriada.
* Antes de viajar verifique água, faróis, luzes, calibragem e condições dos pneus, estepe, macaco, triângulo de segurança, extintor de incêndio, freios, suspensão, combustível, óleo, documentos e limpadores de pára-brisas
* Evite paradas desnecessárias no acostamento, deixe-o sempre livre para as unidades de atendimento de emergência: Ambulâncias, Bombeiros e Polícias. Caso necessário, siga até um posto de abastecimento que oferecerá segurança mais adequada.
* Dirija com segurança, respeitando a sinalização, o policiamento e os outros motoristas.
* A chuva é outro fator que requer cuidados. Ela diminui a aderência dos pneus na pista, sendo que seu início é o período de maior risco pela mistura de óleo, poeira e combustível que se forma.
* Chuvas fortes lavam mais rapidamente a pista, porém pedem igual atenção ao volante e redução da velocidade ou até parada em local apropriado, sempre acendendo os faróis baixos.
Cuidados com a casa ao viajar
* O melhor seria não deixar a casa sozinha, mas se isso não for possível, peça a um vizinho ou parente para visitar diariamente o imóvel, recolher as correspondências e verificar movimentos estranhos de pessoas rondando-a.
* Não deixe as luzes acesas durante o dia, pois isso significa ausência de moradores. Se possível, instale um aparelho de fotocélula para acender e apagar as luzes externas à noite e de dia, respectivamente.
* Deixe algum telefone de contato com um vizinho, parente ou amigo.
* Em condomínios fechados ou edifícios não deixe as chaves na portaria.
* É aconselhável que poucas pessoas saibam do sistema de segurança de sua casa.
* Suspenda a entrega de jornais e peça para um vizinho recolher a correspondência.
* Não deixe jóias ou dinheiro dentro de casa, mesmo que seja em cofre. Utilize o cofre de bancos.
* Só deixe a chave com pessoas de absoluta confiança.
* Evite colocar cadeados do lado externo do portão. Isso poderá evidenciar a saída dos moradores.
* Desligue a campainha. Assim, você deixa em dúvida quem usá-la apenas para verificar se há alguém em casa.
* Reforce portas e janelas com fechaduras auxiliares.
Segurança no trânsito
* Use o cinto corretamente: não coloque-o no pescoço ou debaixo do braço, engate o equipamento ao invés de coloca-lo apenas sobre as pernas, é mais seguro.
* Respeite a sinalização, o que está escrito nas placas e nas vias, os agentes e policiais de trânsito.
* Se beber não dirija, vá de táxi, de ônibus ou alguém habilitado que não bebeu.
* Não dirija com crianças e animais no colo, não transporte passageiros em compartimento de carga.
* Motociclista, use o capacete preso ao pescoço, com óculos de proteção ou viseira abaixada.
* Ciclista, use os equipamentos obrigatórios, não pegue traseira de ônibus e caminhões.
* Pedestre use as passarelas.
Período de chuvas
* Mantenha limpos os ralos, esgotos, galerias, valas e calhas.
* Evite jogar lixo nas encostas e córregos. Isso aumenta o perigo de deslizamentos e enchentes.
* Fique atento aos sinais de desmoronamento: cercas, árvores e postes inclinados, trincas e rachaduras nas paredes ou no chão, perto dos barrancos, degraus junto aos barrancos, muros e paredes embarrigados.
* Não entre em pânico nem se arrisque tentando salvar móveis e objetos de valor. Sua vida vale muito mais.

print
Comentários