Os militares da 13ª Companhia Independente intensificaram a fiscalização do trânsito na em Formiga, por meio de ações e operações policiais, com blitze nas principais vias da cidade. A Polícia Militar avaliou a real situação de condutores e dos veículos que circulam diariamente pelas ruas do município via urbana.
As operações servem para fiscalizar, advertir e orientar os condutores de veículos automotores quanto às condições de uso da via, condições do veículo e do próprio condutor.
Durante as ações/operações policiais realizadas nos últimos 30 dias, foram fiscalizados 445 veículos, abordadas 498 pessoas entre condutores e passageiros, 6 veículos apreendidos, 27 retidos para a regularização, foram realizadas 4 prisões, recolhidas 3 Carteiras de Habilitação (CNH), lavrados 33 Autos de Infração de Trânsito (AITs) apreendida 1 arma branca e 1 tablete de maconha. Num total foram empenhados 90 policiais militares, sob o comando de um oficial da unidade, além de 29 viaturas policiais.
Dentre as infrações comumente apontadas neste final de ano, evidencia-se a falta de pagamento do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA), cuja fiscalização foi intensificada a partir do mês de setembro.
O não pagamento do IPVA ocasiona prejuízos não só para os motoristas, que podem ser penalizados com a perda de pontos na carteira, além de pagarem multas e juros, mas também causa danos à população em geral, já que 40% do imposto recolhido é usado pelo governo estadual para a conservação e reformas de estradas estaduais, os outros 40% são devolvidos aos cofres do município para serem aplicados em diversas ações de infraestrutura e 20% vão para o Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).
Outro ponto forte da fiscalização da Polícia Militar foi e continuará sendo o estacionamento irregular de veículos automotores em Formiga, principalmente na área central da cidade, onde as ruas são estreitas e não há escoamento do tráfego para outros locais com maior facilidade. Os locais de estacionamento não são respeitados e os pontos de embarque e desembarque também se tornam alvo de condutores que estacionam em situação irregular. Dentro deste contexto a Polícia Militar estará intensificando ainda mais a fiscalização nesses locais.

Imprimir
Comentários