Polícia Militar reforça campanha pelo desarmamento em Formiga

A arma deverá ser entregue, se possível, desmontada e embalada, separada das munições, na sede da 13ª Companhia

A arma deverá ser entregue, se possível, desmontada e embalada, separada das munições, na sede da 13ª Companhia

Para tentar reduzir o número de crimes de violência doméstica entre outros, a Polícia Militar reforça a Campanha de Desarmamento em Formiga. A iniciativa consiste em incentivar a entrega de armas de fogo à polícia.
A entrega das armas pode ser feita espontaneamente na sede da 13ª Companhia Independente da Polícia Militar, localizada na avenida Nossa Senhora da Abadia, 745, bairro Nossa Senhora Aparecida.
A PM está recebendo armas de fogo, de diversos tipos e calibres, registradas ou não, de moradores da cidade e região. As armas registradas terão os cadastros cancelados de imediato, no momento da entrega.
Antes da entrega, o cidadão deverá acessar o site: www.entreguesuaarma.gov.br, gerar e imprimir uma guia. A arma deverá ser entregue, se possível, desmontada e embalada, separada das munições, caso haja, de modo que não propicie ao portador usá-la.
No local, será gerado um protocolo de entrega e indenização, que poderá ser sacado em qualquer terminal eletrônico das agências do Banco do Brasil, variando de R$150 a R$300, conforme o calibre.
Para obter mais informação referente à entrega das armas, o cidadão pode entrar em contato com a corporação pelo número 190. As armas recebidas serão encaminhadas à Polícia Federal, que se responsabilizará de destruí-las.
O comando da 13ª Companhia de Formiga ressalta que estudos recentes, realizados por órgãos do Governo, dão conta de que uma das maiores vítimas de ferimento de arma de fogo é o próprio dono da arma ou seus familiares.
Campanha Nacional do Desarmamento
A Campanha Nacional do Desarmamento foi lançada em 2011 pelo Governo Federal, com o objetivo de recolher o maior número possível de armas de fogo e contribuir para reduzir a violência e as mortes no país. O estado de Minas Gerais e a União, por intermédio do Ministério da Justiça celebraram, assim, um Acordo de Cooperação com o objetivo de implementar ações que proporcionem a viabilização do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), em especial para a implantação da ?Ação 39? (Campanha do Desarmamento).
O acordo de cooperação entre a União e Minas Gerais teve como prazo de vigência o dia 31 de dezembro de 2014, porém, mediante termo aditivo o prazo foi prorrogando por mais dois anos.

Imprimir
Comentários

Sobre o Autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

Polícia Militar reforça campanha pelo desarmamento em Formiga

A arma deverá ser entregue, se possível, desmontada e embalada, separada das munições, na sede da 13ª Companhia.

A arma deverá ser entregue, se possível, desmontada e embalada, separada das munições, na sede da 13ª Companhia.

 

Para tentar reduzir o número de crimes de violência doméstica entre outros, a Polícia Militar reforça a Campanha de Desarmamento em Formiga. A iniciativa consiste em incentivar a entrega de armas de fogo à polícia.

A entrega das armas pode ser feita espontaneamente na sede da 13ª Companhia Independente da Polícia Militar, localizada na avenida Nossa Senhora da Abadia, 745, bairro Nossa Senhora Aparecida.

A PM está recebendo armas de fogo, de diversos tipos e calibres, registradas ou não, de moradores da cidade e região. As armas registradas terão os cadastros cancelados de imediato, no momento da entrega.

Antes da entrega, o cidadão deverá acessar o site: www.entreguesuaarma.gov.br, gerar e imprimir uma guia. A arma deverá ser entregue, se possível, desmontada e embalada, separada das munições, caso haja, de modo que não propicie ao portador usá-la.

No local, será gerado um protocolo de entrega e indenização, que poderá ser sacado em qualquer terminal eletrônico das agências do Banco do Brasil, variando de R$150 a R$300, conforme o calibre.

Para obter mais informação referente à entrega das armas, o cidadão pode entrar em contato com a corporação pelo número 190. As armas recebidas serão encaminhadas à Polícia Federal, que se responsabilizará de destruí-las.

O comando da 13ª Companhia de Formiga ressalta que estudos recentes, realizados por órgãos do Governo, dão conta de que uma das maiores vítimas de ferimento de arma de fogo é o próprio dono da arma ou seus familiares.

 

Campanha Nacional do Desarmamento

A Campanha Nacional do Desarmamento foi lançada em 2011 pelo Governo Federal, com o objetivo de recolher o maior número possível de armas de fogo e contribuir para reduzir a violência e as mortes no país. O estado de Minas Gerais e a União, por intermédio do Ministério da Justiça celebraram, assim, um Acordo de Cooperação com o objetivo de implementar ações que proporcionem a viabilização do Programa Nacional de Segurança Pública com Cidadania (Pronasci), em especial para a implantação da “Ação 39” (Campanha do Desarmamento).

O acordo de cooperação entre a União e Minas Gerais teve como prazo de vigência o dia 31 de dezembro de 2014, porém, mediante termo aditivo o prazo foi prorrogando por mais dois anos.

Redação do Jornal Nova Imprensa Polícia Militar

Comentários

Sobre o Autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!