Da Redação

A Polícia Rodoviária de Formiga divulgou no fim da tarde desta terça-feira (2), o balanço das estradas da região durante o feriado prolongado pelo Dia do Trabalhador.

As ações da PRE tiveram início às 0h de quinta-feira (28) e se encerraram às 23h59 de segunda-feira (1º).

Durante os quatro dias de operação foram registrados sete acidentes, sendo que em quatro deles pessoas sofreram ferimentos leves. Ninguém morreu.

Ainda durante a operação, 321 veículos foram fiscalizados, 69 multas foram aplicadas e oito motoristas inabilitados foram autuados, sendo que um deles acabou preso por se envolver em acidente.

Durante o período não houve nenhum registro de roubo de veículos nem assalto ao pedágio.

Em 2016

No ano passado, a operação durou três dias. Seis acidentes foram registrados e ninguém se feriu.

Rodovias Federais

Onze pessoas morreram nas rodovias federais que cortam Minas Gerais durante o feriado prolongado do Dia do Trabalhador.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), entre a sexta-feira (28) e segunda-feira (1º) foram 170 acidentes, com 169 pessoas feridas. O dia com mais mortes foi a segunda-feira com 4 registros. Três delas foram em uma batida frontal na BR-135, em Curvelo, na Região Central.

Dos 11 óbitos, quatro foram atropelamentos de pedestres, segundo a PRF. O número de mortes foi o mesmo registrado no feriado de 21 de abril, que também contou com quatro dias de operação.

 

 

Fonte: Polícia Rodoviária e G1 ||

Imprimir

Comentários