Preços dos estacionamentos em BH sobem acima da inflação

A maior discrepância entre os preços está na cobrança da fração de 15 minutos, que vai de R$ 1 até R$ 7, diferença de 600%.

A maior discrepância entre os preços está na cobrança da fração de 15 minutos, que vai de R$ 1 até R$ 7, diferença de 600%.

Os preços dos estacionamentos de Belo Horizonte tiveram um aumento de mais de 10% no último ano, é o que aponta uma pesquisa do site Mercado Mineiro divulgada nesta segunda-feira (19).
O preço médio por hora nos estacionamentos comuns apresentou um aumento de 10,30% em comparação a 2014. No ano passado, o valor médio desta modalidade era de R$ 8,93 e hoje é de R$ 9,85.
Já entre os estabelecimentos que oferecem vagas nos shoppings e centros de compra o valor pago pelas quatro primeiras horas subiu 12,5% e atualmente custa, em média R$ 9, quando antes custava R$ 8.
O maior aumento registrado foi nos estacionamentos próximo a hospitais, que agora cobram um preço até 30% mais alto que o registrado anteriormente.
O aumento registrado é bem maior que o apresentado pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que aponta uma inflação de 6,5%.
Os preços cobrados por hora apresentam variação entre R$ 4 e R$ 16, uma diferença de 300%. A maior discrepância entre os preços está na cobrança da fração de 15 minutos, que vai de R$ 1 até R$ 7, diferença de 600%.
Os valores das mensalidades apresentam a segunda maior variação, com mais de 530% de diferença e preços entre R$ 95 e R$ 600.
Os preços podem ser conferidos no site www.mercadomineiro.com.br.

print
Comentários

Sobre o autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

Preços dos estacionamentos em BH sobem acima da inflação

A maior discrepância entre os preços está na cobrança da fração de 15 minutos, que vai de R$ 1 até R$ 7, diferença de 600%.

A maior discrepância entre os preços está na cobrança da fração de 15 minutos, que vai de R$ 1 até R$ 7, diferença de 600%.

 

Os preços dos estacionamentos de Belo Horizonte tiveram um aumento de mais de 10% no último ano, é o que aponta uma pesquisa do site Mercado Mineiro divulgada nesta segunda-feira (19).

O preço médio por hora nos estacionamentos comuns apresentou um aumento de 10,30% em comparação a 2014. No ano passado, o valor médio desta modalidade era de R$ 8,93 e hoje é de R$ 9,85.

Já entre os estabelecimentos que oferecem vagas nos shoppings e centros de compra o valor pago pelas quatro primeiras horas subiu 12,5% e atualmente custa, em média R$ 9, quando antes custava R$ 8.

O maior aumento registrado foi nos estacionamentos próximo a hospitais, que agora cobram um preço até 30% mais alto que o registrado anteriormente.

O aumento registrado é bem maior que o apresentado pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), que aponta uma inflação de 6,5%.

Os preços cobrados por hora apresentam variação entre R$ 4 e R$ 16, uma diferença de 300%. A maior discrepância entre os preços está na cobrança da fração de 15 minutos, que vai de R$ 1 até R$ 7, diferença de 600%.

Os valores das mensalidades apresentam a segunda maior variação, com mais de 530% de diferença e preços entre R$ 95 e R$ 600.

Os preços podem ser conferidos no site www.mercadomineiro.com.br.

Redação do Jornal Nova Imprensa O Tempo Online

Comentários

Sobre o autor

André Ribeiro

Designer do portal Últimas Notícias, especializado em ricas experiências de interação para a web. Tecnófilo por natureza e apaixonado por design gráfico. É graduado em Bacharelado em Sistemas de Informação pela Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

Últimas Notícias