Durante uma reunião na semana passada,o prefeito de Cássia (MG), Marcos Leandro Almeida Arantes, do PMN, teria se exaltado e chamado os servidores de “súditos”. Um vídeo que circulou pelas redes sociais mostrou o ocorrido.
“Tem cinco cadeiras aqui na frente, os súditos por favor ocupem essa cadeira”, diz o prefeito em um trecho do vídeo.
Em outra imagem, o prefeito aparece expulsando um funcionário porque ele não quis mudar de cadeira.

“Então o senhor, tá, pode ir embora. Um dia de gancho pro senhor, é agora, é pra sair agora, é agora.Não, não. Isso aqui é trabalho. O senhor não quer obedecer uma ordem, por favor, se retire, se retire do estabelecimento. Se o senhor achar ruim, reclame com o candidato”, completa o prefeito.

Em contato com a produção da EPTV Sul de Minas, afiliada Rede Globo, o prefeito disse que ninguém falou em súdito ou houve xingamentos. Segundo o prefeito, era uma reunião interna falando sobre prevenção de acidentes de trabalho. Conforme o prefeito, houve falta de consideração com ele por algumas pessoas e com isso, aconteceu este “fato desagradável”.

 

Fonte: G1 ||
print
Comentários