Um avião militar  caiu na manhã desta quarta-feira (11) na Argélia, pouco depois da decolagem perto da base aérea de Boufarik, a 30 quilômetros de Argel, informou uma fonte militar. Segundo as autoridades locais, 257 pessoas morreram, sendo dez membros da tripulação e 247 passageiros, a maioria pessoal do Exército Nacional Popular e seus familiares. Não houve sobreviventes, segundo o ministério da Defesa do país.

O acidente, que ocorreu perto da base aérea de Boufarik, entra para a lista dos mais graves já registrados na história. As causas ainda estão sendo investigadas.

(Foto: ALG24 via AP)

A aeronave modelo Ilyushin 76, de fabricação russa, tinha acabado de decolar e seguia para Bechar, no sudoeste do país que fica no norte da África.

O avião caiu em uma área rural, sem residentes. Boufarik fica no norte da Argélia, perto do Mar Mediterrâneo e a cerca de 30 km da capital, Argel.

O modelo Il-76 é produzido pelos russos desde a década de 1970 e é destinado principalmente para transporte de cargas e militares.

Em fevereiro de 2014, 77 pessoas – militares e seus parentes – morreram na queda de um Hercules C-130 do exército argelino a 500 km da capital Argel. Apenas uma pessoa sobreviveu ao acidente, que o ministério da Defesa atribuiu na época às más condições meteorológicas.

IMPRIMIR

Fonte:

G1