Da Redação

Rajadas de 50 a 70 km estão previstas para algumas partes de Minas Gerais nesse primeiro dia julho. Reflexo do “ciclone bomba” que atingiu o sul do país deixando muitos estragos e, até agora, nove mortos.

Os ventos por aqui não trarão chuva e não são motivo de preocupação e devem atingir a faixa Centro-Sul aqui do Estado, pegando também a Zona da Mata.

Com informações do G1

Imprimir
Comentários