As chuvas que caíram nas últimas semanas na região e as melhorias no sistema de abastecimento de água da cidade de Arcos levaram à suspensão do rodízio de abastecimento, pelo menos temporariamente.

O rodízio estava em vigor desde 27 de agosto deste ano e a interrupção da medida foi divulgada pela Copasa, por meio de nota, na segunda-feira (5).

De acordo com informações da Prefeitura de Arcos, desde o início da gestão,  o atual prefeito Denilson Teixeira tem empenhado esforços para que a Copasa cumpra em tempo hábil, as medidas previstas na renovação do contrato, além de outras ações adotas no plano de emergência da empresa. “Graças aos nossos esforços a Copasa direcionou para a cidade investimentos de mais de 10 milhões para construção do sistema de capitação de água do Rio Candonga”, destacou o prefeito.

Atualmente apenas algumas cidades do Estado receberam investimentos por parte da empresa e, na região, somente Arcos teve seu projeto de ampliação aprovado, dentro do Plano de Ação cobrado pelo Governo Municipal.

As obras da nova capitação de água no Rio Candonga estão previstas para serem concluídas em dezembro deste ano.

Conscientização  

Mesmo com esta medida temporária a Copasa conta com o apoio de toda a população para o uso consciente da água, evitando-se desperdícios.

print
Comentários