O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, foi confirmado pelo presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, como o candidato da sigla para a corrida presidencial nas eleições de 2022. O anúncio ocorreu durante um evento da legenda no Rio de Janeiro neste sábado (23).

“O Rodrigo mostrou que ele tem talento e sabedoria para a vida pública, se Deus quiser ele é o próximo presidente do Brasil. O PSD está pronto para abraçar suas propostas”, alegou Kassab.

Pacheco, deixou o DEM para se filiar ao PSD. O anúncio foi feito em sua conta no Twitter ontem.

“Comunico que, nesta data, tomei a decisão de me filiar ao PSD, a convite de seu presidente, Gilberto Kassab. Agradeço aos filiados, colegas e amigos do Democratas de Minas Gerais e de todo o país o período de convivência partidária saudável e respeitosa. Meus agradecimentos especiais ao presidente ACM Neto pela atenção a mim sempre dispensada e manifesto meus votos de sucesso ao recém-criado União Brasil, na pessoa de seu presidente, deputado Luciano Bivar”, escreveu.

Fonte: Estado de Minas

print
Comentários