A Prefeitura de Sabará, na Região Metropolitana de Belo Horizonte, confirmou o primeiro caso de febre amarela na cidade. É um homem de 74 anos, morador do bairro Maquiné, em Ravena, distrito de Sabará.

Segundo a Prefeitura, o paciente foi encaminhado à Santa Casa de Belo Horizonte, onde segue internado para tratamento.

Sabará tem ainda outro caso em investigação, de um homem de 58 anos, morador do bairro Amélia Moreira.

Segundo a Secretaria Municipal de Saúde, imediatamente após a notificação dos casos (suspeito e confirmado), foi iniciada a vacinação casa a casa em ambas as localidades.

Morte de macacos

Em todo ano de 2017, dezesseis micos foram encontrados mortos na cidade. Dois tiveram resultado positivo para febre amarela.

O Parque Chácara do Lessa está interditado para visitação e ações educativas e preventivas estão sendo desenvolvidas no local e entorno, informou a secretaria.

 

IMPRIMIR

Fonte:

Hoje em Dia