Foram divulgadas nesta quinta-feira (26) as 100 primeiras cidades atendidas pelo Programa Nacional de Banda Larga (PNBL).
O Nordeste foi a região com maior número de cidades incluídas nessa primeira etapa, 58, seguido do Sudeste, com 30. Por outro lado, a região Sul não foi contemplada com nenhum municípios e, no Norte, apenas Tocantins, com seis cidades, está presente, mesmo número de Goiás, única cidade atendida do Centro-Oeste.
Entre os estados, Bahia, Minas Gerais e Rio de Janeiro possuem oito cidades na lista e são os mais citados.
Segundo o presidente da Telebras, Rogério Santana, que divulgou a lista, a expectativa é que os municípios já estejam operando dentro do programa até o fim do ano. Santana salientou que será necessário a presença de parceiros e, a partir da assinatura dos contratos, a banda larga deve começar em até 45 dias.
De acordo com o PNBL, os preços cobrados devem ficar entre R$ 15 e R$ 35 por cliente – por uma velocidade mínima de 512 kbps.
Banda Larga no Brasil
Ainda segundo o relatório do PNBL, o número de acessos a internet em banda larga fixa atingiu aproximadamente 9.6 milhões em dezembro de 2008, o que corresponde a quase 18 acessos a cada 100 domicílios – ou a 5,2 acessos a cada 100 brasileiros.
Comparados a países como Argentina, Chile, China, México e Turquia, que apresentam condições semelhantes ao Brasil, o país apresenta níveis considerados baixos de penetração de banda larga e, segundo o relatório, a desvantagem deve permanecer ao longo dos anos. Uma projeção para o ano de 2014, prevê que o país atingirá aproximadamente 18,3 milhões de acessos banda larga (cerca de 31,2 acessos a cada 100 domicílios) número bastante inferior à média de 37,0 acessos a cada 100 domicílios projetados para os países analisados.
Metas para 2014
Os objetivos do Programa Nacional de Banda Larga são ambiciosos. Em 2014, a expectativa é ter 30 milhões de acessos a banda larga fixa, incluindo os acessos em domicílios, propriedades, empresas e cooperativas. Além de disso, o programa prevê acesso a banda larga a 100% dos órgão do Governo, incluindo as escolas públicas ainda não atendidas, unidades de saúde e bibliotecas. Outro ponto inclui, em 2014, 60 milhões de acessos a banda larga móvel.
Em Minas Gerais, as oito cidades mineiras que receberão banda larga são Barbacena , Juiz de Fora , Conselheiro Lafaiete, Ibirité, Sabará, Uberaba, Ribeirão das Neves e Santa Luzia.
Confira as outras 92 cidades PNBL:
-Arapiraca (AL)
-Messias (AL)
-Palmeira dos Índios (AL)
-Joaquim Gomes (AL)
-Pilar (AL)
-Rio Largo (AL)
-Feira de Santana (BA)
-Itabuna (BA)
-Camaçari (BA)
-Governador Mangabeira (BA)
-Eunápolis (BA)
-Governador Lomanto (BA)
-Muritiba (BA)
-Presidente Tancredo Neves (BA)
-Sobral (CE)
-São Conçalo do Amarante (CE)
-Quixadá (CE)
-Barreira (CE)
-Maranguape (CE)
-Russas (CE)
-Cariacica (ES)
-Domingos Martins (ES)
-Conceição da Barra (ES)
-Piúma (ES)
-São Mateus (ES)
-Vila Velha (ES)
-Itapemirim (ES)
-Anápolis (GO)
-Aparecida de Goiânia (GO)
-Trindade (GO)
-Águas Lindas de Goiás (GO)
-Alexânia (GO)
-Itumbiara (GO)
-Imperatriz (MA)
-Paço do Lumiar (MA)
-Presidente Dutra (MA)
-Porto Franco (MA)
-Grajaú (MA)
-Barra do Corda (MA)
-Campina Grande (PB)
-Campo de Santana (PB)
-Araruna (PB)
-Riachão (PB)
-Dona Inês (PB)
-Bananeiras (PB)
-Duas Estradas (PB)
-Carpina (PE)
-Tracunhaém (PE)
-Nazaré da Mata (PE)
-Paudalho (PE)
-Limoeiro (PE)
-Aliança (PE)
-Piripiri (PI)
-Campo Maior (PI)
-José de Freitas (PI)
-Piracuruca (PI)
-Batalha (PI)
-São João da Fronteira (PI)
-Angra dos Reis (RJ)
-Nova Iguaçu (RJ)
-São Gonçalo (RJ)
-Piraí (RJ)
-Mesquita (RJ)
-Rio das Flores (RJ)
-Duque de Caxias (RJ)
-Casimiro de Abreu (RJ)
-Santa Cruz (RN)
-Nova Cruz (RN)
-Passa e Fica (RN)
-Parnamirim (RN)
-Lagoa d´Anta (RN)
-Extremoz (RN)
-Açú (RN)
-Nossa Senhora da Glória (SE)
-Barra dos Coqueiros (SE)
-Laranjeiras (SE)
-Japaratuba (SE)
-São Cristóvão (SE)
-Carira (SE)
-Campinas (SP)
-Guarulhos (SP)
-Pedreira (SP)
-Serrana (SP)
-Conchal (SP)
-Embu (SP)
-São Carlos (SP)
-Gurupi (TO)
-Araguaína (TO)
-Guaraí (TO)
-Paraíso do Tocantins (TO)
-Wanderlândia (TO)
– Porto Nacional (TO)

print
Comentários