Muito do que nós incorporamos ao nosso dia a dia e temos o costume de praticar em relação à saúde dos olhos são recomendações passadas de geração para geração desde a época das nossas bisavós.
No entanto, vários desses conselhos estão ultrapassados e, hoje, se tornaram simplesmente mitos. Outros permanecem verdadeiros e devem ser seguidos à risca, desde o primeiro momento em que abrimos os olhos pela manhã, para garantirmos uma boa saúde da visão.
Abusar do uso do computador, ler com pouca luminosidade ou dentro de veículos em movimento são algumas das preocupações que se tornaram lendas. Segundo o oftalmologista e professor do Departamento de Oftalmologia e Otorrinolaringologia da Faculdade de Medicina da UniversidadeFederal de Minas Gerais Joel Boteon, pode ocorrer que a pessoa sinta algum tipo de desconforto ou cansaço e fique com a visão irritada, mas nada disso é prejudicial à saúde.
Para aqueles que passam grande parte do dia em frente ao computador, o ideal é piscar 16 vezes por minuto, além de regular a tela do equipamento para que fique em uma altura confortável e para que os olhos não permaneçam muito abertos e se ressequem mais facilmente, explica.
No topo das recomendações verdadeiras está evitar o hábito de coçar os olhos – o que é considerado uma ação grave e que deve ser abandonada. Segundo Boteon, essa prática, além de levar bactérias à região, pode provocar uma série de doenças, como conjuntivite, descolamento da retina e deformidades na córnea – conhecidas como ceratocone.
A estudante Orisclésia Alana Bandeira, 22, é portadora de ceratocone e vai ao médico, pelo menos, duas vezes ao ano. Sempre evito ler com pouca luz e coçar o olho. Antes de descobrir a doença, eu coçava muito, mas, depois, acabei me policiando mais, conta.
Outro mito que deve ser levado a sério é o de que cenoura faz bem para as vistas. Isso ocorre porque o alimento possui a vitamina A, importante para o mecanismo da visão. Porém, outrosalimentos, especialmente as verduras de tom verde-escuro, também são benéficos à saúde dos olhos. O mesmo vale para frutas amarelas e alimentos que contêm ômega 3, como peixes, afirma Boteon.
Cuidados
Logo nas primeiras horas do dia, a recomendação é para que a higienização dos olhos seja feita de forma mais simples possível. Ao lavar o rosto e as pálpebras, a utilização de um sabonete comum é suficiente. O cuidado deve ser tomado com a toalha usada. Muitas vezes, o tecido é compartilhado por diversas pessoas, que devem sempre se lembrar de lavar bem as mãos e o rosto antes de secá-los, para evitar qualquer tipo de contaminação, explica.
O presidente do Departamento de Oftalmologia da Associação Médica de Minas Gerais (AMMG), Luiz Carlos Molinari, lembra ainda que, assim como a pele, os olhos necessitam de proteção constante. Por isso, diz, os óculos escuros devem ter lentes especiais, para filtrar os raios ultravioleta.

print
Comentários