Nessa quarta-feira (26), os servidores da Polícia Civil em Formiga, Divinópolis, Bom Despacho, Pará de Minas e Nova Serrana aderiram à movimentação de paralisação estadual da categoria.

Já nesta quinta-feira (27), os profissionais voltaram ao trabalho.

O objetivo da mobilização foi mostrar que a classe é contra a proposta de reforma da previdência dos servidores de Minas Gerais, que está tramitando na Assembleia Legislativa.

O Sindicato dos Servidores da Polícia de Minas Gerais (SindPol/MG) acredita que o projeto trará diversos prejuízos.

Os policiais, agentes e demais servidores da polícia exigem tratamento igualitário na reforma, e garantia de direitos conquistados nos últimos anos.

Fonte: Polícia Civil

Imprimir
Comentários