A Secretaria Municipal de Saúde de Itaúna descartou, nesta sexta-feira (17), as suspeitas que um casal estaria com sintomas da síndrome nefroneural. Eles teriam consumido a cerveja Belorizontina no último dia 9 de janeiro.

Segundo a Prefeitura, o casal procurou o Pronto Socorro do Hospital Manoel Gonçalves na terça-feira (14) após consumir a bebida. O atendimento seguiu o protocolo de orientações previsto na Nota Técnica nº 1/COES-MG e os exames feitos no casal foram enviados para a Fundação Ezequiel Dias (Funed) na quarta-feira (15).

A resposta à análise dos exames foi encaminhada para a Prefeitura nesta quinta-feira (16). Conforme o documento enviado pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância Sanitária (CIEVS/MG), “o quadro analisado não preenche critério e não entrará na lista de casos suspeitos ou em investigação”.

Imprimir