O suspeito de assassinar Magno de Oliveira, de 26 anos, no início da tarde deste sábado (10), no Novo Horizonte, foi preso.
O delegado responsável pelo caso, Danilo César Basílio, explicou que ouviu o morador da residência onde ocorreu o crime, na rua Oscar Teixeira de Lima. Ele confessou que estava na casa juntamente com Magno e com o suspeito fazendo uso de bebida alcoólica e, em seguida, foi dormir. O indivíduo e a vítima ficaram na sala.

 

O suspeito foi interrogado e confessou que matou Magno após uma discussão. Segundo o indivíduo, a vítima queria que ele comprasse drogas para usarem. Diante da negativa, eles começaram a discutir e Magno o ameaçou com uma faca.
O indivíduo conseguiu se desvencilhar e atingiu o abdômen da vítima. Ele negou ter colocado fogo no corpo de Magno.
Diferente do que foi noticiado pelo portal, Magno não morava na residência onde foi assassinado.

O suspeito confessou o crime

Magno foi assassinado em uma casa no Novo Horizonte

Imprimir

Comentários