A taxa de desemprego nacional teve queda de 0,5 ponto percentual no mês passado, perante agosto, e marcou 9% da população economicamente ativa (PEA). Em relação a setembro de 2006, quando a taxa de desocupação foi de 10%, o recuo foi um pouco maior. De acordo com o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), a taxa média de desocupação entre janeiro e setembro foi de 9,7%, a menor para esse intervalo de toda a série histórica da pesquisa.
O contingente de desocupados nas seis regiões pesquisadas caiu 5,4% (120 mil) perante agosto, para cerca de 2,1 milhões de pessoas. Ante setembro de 2006, a diminuição desse contingente foi de 197 pessoas, ou 8,6%.
De acordo com o levantamento, o número de pessoas ocupadas cresceu em 201 mil (1%) na comparação mensal, para cerca de 21,3 milhões. Na relação com setembro do ano passado, esse contingente subiu 2,7% – o equivalente a 551 mil pessoas.

print
Comentários