Um jovem de 26 anos, terceiro suspeito de ter participado da explosão de um cofre em um supermercado, na manhã desta segunda-feira (8), no Bairro São Geraldo em Nova Serrana, foi detido pela Polícia Militar (PM). As informações é do portal G1.

Mais cedo, os militares prenderam outros dois suspeitos de participação no crime, além de explosivos, materiais para a explosão do cofre e dinheiro.

Segundo a polícia, após informações do setor de inteligência, os militares se deslocaram até uma casa no Bairro Jeferson Batista, onde o suspeito foi preso. Um carro que foi utilizado no crime também foi apreendido.

O jovem foi encaminhado à Delegacia de Polícia Civil de Nova Serrana e o veículo apreendidos e encaminhado ao pátio credenciado do Departamento de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG). Não foi informado se o suspeito tem passagens criminais.

Entenda o caso

A PM foi acionada por volta das 5h com uma denúncia que cinco pessoas estariam efetuando disparos de arma de fogo, além da explosão do cofre. Até o momento, apenas quatro suspeitos foram visualizados pela polícia.

Com o início dos rastreamentos, os militares encontraram uma caminhonete semelhante à repassada na denúncia; foi determinado que o veículo estacionasse, mas a ordem foi descumprida e a caminhonete seguiu em alta velocidade sentido BR-262.

Uma das equipes que se deslocava para ajudar nas buscas se deparou com os dois jovens dentro de um outro carro, às margens da BR-262, em atitude suspeita. Enquanto abordava a dupla, a Polícia avistou outras duas pessoas do lado da rodovia que fugiram por uma mata assim que avistaram os militares; um deles carregava uma grande sacola preta de plástico.

Explosivos

Nas buscas pelos dois suspeitos que fugiram, os militares encontraram um veículo que foi utilizado no crime abandonado na entrada Quilombo do Gaia, próximo à BR-262. Dentro do carro, foram encontrados explosivos, materiais para a explosão do cofre e dinheiro; a quantia não foi informada.

Com isso, foi solicitado apoio apoio das equipes do Esquadrão Antibombas do Bope, Pégasus 22 do Comave, Rondas Ostensivas com Cães (Rocca) da Cia Ind Cães, Grupo Tático Rodoviário (GTR) da 7ª Cia BPMRV, Equipe do Grupo Especializado em Recobrimento (GER), da 7ª Cia Ind PE, além das equipes do Tático Móvel do 60º BPM e demais militares do turno.

Com a ajuda de todo o grupo, além do radiopatrulhamento aéreo pelo Pégasus, os militares conseguiram localizar parte da roupa utilizada pelos autores dos crimes. Foi encontrado um saco contendo o dinheiro roubado do cofre, parte das notas estava danificada por causa da explosão.

Passagens criminais

De acordo com a Polícia Militar, o jovem de 19 anos que participou diretamente da explosão do cofre, tem passagens por tráfico de drogas. Já o de 28 anos alegou que participou da fuga dos autores; ele tem diversas passagens por roubo, tráfico de drogas, disparo de arma de fogo, estelionato, entre outras.

A dupla foi presa em flagrante e encaminhada para a Delegacia de Polícia Civil de Nova Serrana, juntamente com os materiais e dinheiro apreendidos. Os dois veículos usados no crime foram apreendidos e os explosivos foram detonados pela equipe do Bope.

Fonte: G1

print
Comentários