No sábado (24), mesmo jogando com dois a menos, o Atlético segurou um empate sem gols com o Avaí. Daniel Carvalho e Neto Berola foram expulsos respectivamente aos 11 e aos 33 minutos do segundo tempo. Com o resultado, o Galo soma 10 pontos, está no 17º lugar na tabela e é o primeiro da zona de rebaixamento à série B.
A partida foi disputada na noite deste sábado no estádio da Ressacada em Florianópolis(SC). A expectativa de ver o trio Diego Tardelli, Diego Souza e Daniel Carvalho foi decepcionante. Além da falta de entrosamento entre eles, o time do Atlético pecou demais na saída de bola da defesa para o meio-campo, que não conseguia fazer ligação com o ataque.
O Avaí teve várias chances de marcar, mas o goleiro Fábio Costa evitou os gols do time catarinense. O atacante Diego Tardelli sentiu uma lesão muscular e foi substituído por Fabiano. A partir deste momento o Galo mostrou superação e segurou o resultado, mesmo sem mostrar futebol desde o início da partida.
Agora, o Atlético tem uma semana de preparação para o clássico de domingo (1º), contra o rival Cruzeiro. O jogo será na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, que terá somente atleticanos na arquibancada.

Cruzeiro joga mal e empata como Grêmio
O Cruzeiro não conseguiu repetir o bom futebol jogado contra o Fluminense na última rodada e empatou com o Grêmio na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas, por 2 a 2 na tarde deste domingo (25), pela 11ª rodada do turno da série A do Campeonato Brasileiro de Futebol.
Os gols foram de Borges e Jonas para o time gaúcho e Henrique marcou para o Cruzeiro. Com o resultado, a equipe celeste soma 16 pontos e continua longe do G-4. O Grêmio chegou aos 11 pontos e mantém-se na zona de rebaixamento à série B.
O técnico Cuca surpreendeu na escalação do Cruzeiro. Ele improvisou Jonathan como volante, Fernandinho passou de volante para zagueiro e escalou o atacante Robert deste o início. Esses jogadores entraram nos lugares de Gil e Wellington Paulista que cumpriram suspensão por cartões amarelos, além de Gilberto lesionado na panturrilha da perna direita.
O Grêmio esteve à frente do placar por duas vezes, aos 45 minutos do primeiro tempo, e aos 34 da etapa final. O Cruzeiro buscou o empate a um minuto e aos 40 minutos do segundo tempo.
Ambas as equipes se queixaram da arbitragem do carioca Marcelo de Lima. A diretoria do Cruzeiro reclamou muito do gramado da Arena do Jacaré, das péssimas condições das estradas que ligam Belo Horizonte a Sete Lagoas e chamou a atenção para a segurança para o jogo contra o Atlético, no próximo domingo, mesmo com a presença somente da torcida atleticana.
O clássico entre Cruzeiro e Atlético será na Arena do Jacaré, às 18h30, pela 12ª rodada do Brasileirão. O clássico mineiro será realizado somente com a entrada da torcida do time mandante que, neste caso, é o Galo, por razoes de segurança.

Presidente Zezé Perrella não irá à Arena do Jacaré

Outras medidas tomadas dizem respeito à segurança da delegação cruzeirense na Arena do Jacaré. A diretoria celeste concordou com o pedido do rival para que o presidente Zezé Perrella não compareça ao jogo, desde que o contrário ocorra no clássico do segundo turno, quando a plateia será exclusivamente cruzeirense.
?O presidente do Atlético-MG, Alexandre Kalil, propôs que neste domingo o presidente Zezé Perrella, por questão de segurança, não venha ao estádio. Nós conversamos hoje (domingo) com o Perrella e ele concorda, desde que o presidente do Atlético-MG também não compareça no segundo jogo, seja em qual estádio for, também por motivo de segurança. Esse é um ponto que está sendo colocado para preservar a integridade dos dois mandatários dos clubes mineiros? , relatou.

print
Comentários