Foi aceita a denúncia em desfavor do prefeito de Formiga, Moacir Ribeiro da Silva, no caso de suposto oferecimento de propina ao vereador Mauro Cesar, que ficou conhecido no município como “cê num quis, tem dois que quis”.

A sessão ocorreu nesta terça-feira (5), na sede do Tribunal de Justiça de Minas (TJMG) em Belo Horizonte.

 

Confira detalhes da decisão:

 

Nº do Processo na Pauta: 7

Proc. Investigatório MP nº 1.0000.14.058162-0/000

Comarca de Formiga –

 

Partes:

Requerido(a)(s) MOACIR RIBEIRO DA SILVA Prefeito (a) Municipal de FORMIGA

 

 

Composição:

Relator Des. Antônio Carlos Cruvinel

Vogal Des. Paulo Cézar Dias

Vogal Des. Fortuna Grion

 

Vogal Desa. Maria Luíza De Marilac

 

 

 

Vogal Des. Octavio Augusto De Nigris Boccalini

 

 

 

Decisão:

“RECEBERAM A DENÚNCIA” Proferiu sustentação oral o(a) Dr(a). SIDNEY MACHADO TORRES pelo(a) requerido(a)(s). Esteve presente o(a) Dra. ELBA RONDINO, Procuradora de Justiça, pelo(a) denunciante(s). Proferiu sustentação oral o(a) Dr(a). SIDNEY MACHADO TORRES pelo(a) requerido(a)(s). Esteve presente o(a) Dra. ELBA RONDINO, Procuradora de Justiça, pelo(a) denunciante(s).

 

Des. Antônio Carlos Cruvinel

Presidente

 

 

 

3ª CÂMARA CRIMINAL

 

Sessão de 05 de maio de 2015

 

Redação do Jornal Nova Imprensa

print
Comentários