Um torcedor do Atlético e outro do Cruzeiro foram expulsos do estádio Rostov, em Rostov do Don, nesse domingo, durante estreia da Seleção Brasileira na Copa do Mundo, contra a Suíça. Segundo publicação do jornal Extra, do Rio de Janeiro, os dois foram levados à delegacia da arena por autoridades locais depois de se desentenderem na arquibancada. Os torcedores mineiros teriam trocado cusparadas.

Ainda segundo o diário carioca, os torcedores detidos foram liberados e deixaram o estádio.

Durante a partida, a reportagem do Superesportes registrou bandeiras de Atlético e Cruzeiro em pontos diferentes do estádio Rostov. No decorrer do jogo da Seleção Brasileira, seguranças retiraram essas e outras bandeiras de clubes brasileiros, por determinação da Fifa, que proíbe fixação de faixas nos estádios da Copa do Mundo.
Antes da partida, nas ruas de Rostov, o Superesportes registrou presença de torcedores mineiros a caminho do jogo do Brasil com bandeiras de Atlético e Cruzeiro. O clima era de tranquilidade.

Em dado momento do jogo, seguranças da Fifa retiram do estádio todas as bandeiras de clubes (Foto: Renam Damasceno)

IMPRIMIR