Cerca de 300 caminhões estão parados em uma refinaria e uma distribuidora de combustíveis em Betim, na região metropolitana de Belo Horizonte, desde a noite dessa segunda-feira (20).

De acordo com o diretor do Sindicato dos Transportadores de Combustíveis e Derivados de Petróleo do Estado de Minas Gerais (Sindtanque-MG), José Geraldo de Castro Gonçalves, a decisão de cruzar os braços foi tomada para cobrar das distribuidoras o pagamento dos valores referentes aos pedágios.

Os tanqueiros reivindicam também o reajuste imediato do valor do frete, subsídio no óleo diesel; redução da carga tributária e do PIS/Cofins; recebimento da diária por hora parada, incentivos para a modernização da frota e melhoria da malha rodoviária.

Segundo Gonçalves, caminhões estão parados e podem continuar por tempo indeterminado. Até o momento, não foi registrada a falta de combustíveis em Minas Gerais.

 

Fonte: O Tempo ||http://www.otempo.com.br/cidades/transportadores-de-combust%C3%ADveis-entram-em-greve-1.1326463

print

Comentários