Uma tubulação de mineroduto se rompeu em Santo Antônio do Grama, no Norte de Minas, na manhã desta segunda-feira (7). De acordo com a Secretaria de Estado de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável de Minas Gerais (Semad), com o rompimento, o minério foi despejado no manancial que abastece a cidade e também  o leito do Ribeirão Santo Antônio.

A captação de água foi interrompida pela Companhia de Saneamento de Minas Gerais (Copasa), que está monitorando a situação e também fará a identificação de alternativas de captação e abastecimento.

Moradores da cidade gravaram vídeos para denunciar o ocorrido.

 

A direção da empresa Anglo American Minério de Ferro S.A, responsável pelos dutos informou que, o rompimento ocorreu por volta das 7h40.

Segundo a empresa, a extensão e a causa do acidente ainda está sendo avaliada.  “As causas estão sendo investigadas. Neste momento, nossos esforços são para medidas emergenciais que garantam o abastecimento de água da cidade”, informou a assessoria de imprensa da Anglo American.

Equipes da Copasa e do Núcleo de Emergência Ambiental (NEA) da Semad já estão a caminho do local para averiguar a situação e determinar medidas ambientais cabíveis. A Semad esclarece, ainda, que o licenciamento ambiental do mineroduto é feito pelo Instituto Brasileiro de Meio Ambiente e dos Recursos Renováveis (Ibama), que também já foi comunicado sobre o ocorrido”, complementou a secretaria.

IMPRIMIR

Fonte:

Com portais de notícias